Governo do Distrito Federal
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
3/10/23 às 10h34 - Atualizado em 3/10/23 às 10h34

Começa segunda etapa das obras da Ponte Honestino Guimarães

Governo investe R$ 7,7 milhões em reforço estrutural da ponte que liga o Setor de Clubes Sul ao Lago Sul. Trânsito não deve ser afetado durante as intervenções

Victor Fuzeira, da Agência Brasília | Edição: Saulo Moreno

O Governo do Distrito Federal (GDF) iniciou a segunda etapa das obras da Ponte Honestino Guimarães, que liga o Setor de Clubes Sul ao Lago Sul. São investidos R$ 7,7 milhões em melhorias estruturais para reforçar as vigas de sustentação da obra viária. As benfeitorias garantirão um deslocamento mais seguro aos motoristas que trafegam pelo elevado diariamente.

Os serviços já executados e entregues à população em agosto foram o reforço estrutural, modernização da iluminação, readequação de passarelas para pedestres e ciclistas, recuperação de fissuras e corrosão, e a adição de guarda-corpos nos passeios para pedestres | Fotos: Tony Oliveira/Agência Brasília

Nesta etapa, equipes da Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap) trabalham na colocação de reforço complementar em fibra de carbono e na adição de cabos de protensão, permitindo aumentar a resistência do concreto da ponte. “Trata-se de uma etapa mais interna, menos visível, porém mais rápida. Essa etapa garante que as estruturas serão mantidas intactas. Os cabos, por sua vez, irão auxiliar na manutenção da estabilidade da ponte”, explica Carlos Alberto Spies, diretor de Edificações da Novacap.

O diretor defende que as adequações promovidas buscam garantir o pleno funcionamento da ponte por um período maior de tempo. “Estamos falando de uma ponte com mais de 50 anos, que nunca passou por nenhuma obra de reforço estrutural. Utilizamos técnicos para fazer análises da ponte e constatamos algumas fissuras que precisavam de um tratamento adequado”, prossegue.

Por se tratar de uma etapa interna, a expectativa é de que as obras não alterem o tráfego de veículos na região. “Entendemos que é uma preocupação da população e, por isso, trabalhamos para que ela não sofra interdições nos próximos meses. Se houver interdição, será algo pontual e durante a noite, de modo que não atrapalhe o trânsito”, finaliza.

Primeira etapa

Em agosto deste ano, as equipes que trabalham na Honestino Guimarães entregaram à população a primeira etapa das obras na ponte. Foram executados serviços de reforço estrutural, modernização da iluminação, readequação de passarelas para pedestres e ciclistas, recuperação de fissuras e corrosão, e a adição de guarda-corpos nos passeios para pedestres.

Agora, o elevado também conta com um acesso à cabeceira do Lago Sul e foi construído um píer junto ao lago. “Eu uso a ponte com frequência para passear de patinete e vou passar por ela mais vezes agora que tem passagem dos dois lados. Ficou bem mais seguro”, avalia o padeiro Serge Segura, 54 anos.

O barman Luciano Mendes, 46 anos, afirma que o investimento na ponte traz mais segurança tanto para os pedestres quanto para os motoristas. “A ponte ficou até mais bonita. A segurança ficou bem melhor para ambos, motoristas e pedestres. Sou morador de São Sebastião e uso bastante a ponte como passagem: estamos bem mais seguros.”