Governo do Distrito Federal
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
11/04/23 às 16h01 - Atualizado em 11/04/23 às 16h01

GDF investe R$ 7,4 milhões em segundo restaurante comunitário de Samambaia

Governador Ibaneis Rocha autorizou o início da obra da unidade, uma das cinco que serão construídas nesta gestão e que vai servir três refeições diárias a R$ 2

 

Ian Ferraz, da Agência Brasília I Edição: Débora Cronemberger

Pedido antigo dos moradores da expansão de Samambaia, o restaurante comunitário da QR 833 já tem endereço, placa e vai se tornar uma realidade. Nesta terça-feira (11), o governador Ibaneis Rocha autorizou o início da obra, que terá investimento de R$ 7,4 milhões. Quando concluída, a unidade vai servir de duas mil a quatro mil refeições diariamente, no café da manhã, almoço e jantar.

“Nós viemos aqui para dar dignidade a essas famílias. Muitas vezes, a dificuldade é conseguir se alimentar, e aqui nós vamos possibilitar isso fornecendo três refeições a R$ 2, sendo o café da manhã e o jantar a R$ 0,50 e o almoço a R$ 1”, disse o governador Ibaneis Rocha | Foto: Renato Alves/Agência Brasília

O novo restaurante comunitário será construído pela Novacap em um terreno ao lado do Centro de Referência de Assistência Social (Cras). Somente este ano, nos 100 primeiros dias, o GDF forneceu mais de 2,2 milhões de refeições nos 14 restaurantes comunitários, o que reforça a potência e a importância desses equipamentos públicos à população.

Em seu discurso, o governador Ibaneis Rocha falou do trabalho em favor da população em situação de vulnerabilidade social e informou que os restaurantes comunitários vão abrir aos domingos e servir jantar.

“É uma região muito carente, e esse restaurante era um grande pedido da comunidade. Nós viemos aqui para dar dignidade a essas famílias. Muitas vezes, a dificuldade é conseguir se alimentar, e aqui nós vamos possibilitar isso fornecendo três refeições a R$ 2, sendo o café da manhã e o jantar a R$ 0,50 e o almoço a R$ 1”, explica Ibaneis Rocha.

O governador falou também que Samambaia terá uma unidade do Na Hora, que vai lutar pela construção de novas escolas e a expansão do metrô na cidade, este em parceria com o governo federal. Disse ainda que o DF terá outros quatro novos restaurantes comunitários, além da segunda unidade em Samambaia, e dez Cras e centros de Referência Especializado de Assistência Social (Creas).

Os 14 restaurantes comunitários do DF são de responsabilidade da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes). Segundo a titular da pasta, Ana Paula Marra, o jantar será opção em duas unidades ainda neste semestre. “Estamos revendo todos os contratos e esse restaurante vai abrir com café da manhã, almoço e jantar e também aos domingos. Adianto que as unidades do Recanto das Emas e de Planaltina vão ter, ainda neste semestre, o jantar e abrir aos domingos”, detalha.

“Essa obra tem um significado especial. Quem conhece Samambaia sabe onde você, governador, está lançando essa obra. É uma área carente, que precisa de uma estrutura como essa. Aqui temos pessoas humildes, trabalhadoras e que merecem esse restaurante comunitário”, aponta o diretor-presidente da Novacap, Fernando Leite.

Em setembro de 2019, o governador Ibaneis Rocha determinou que as refeições nos restaurantes comunitários voltassem a ser vendidas por apenas R$ 1. Em outras gestões, a refeição chegou a custar R$ 3. As unidades também servem café da manhã a R$ 0,50 e o GDF vai ampliar o serviço para o jantar, também pelo valor de R$ 0,50.

Atualmente, o GDF serve o café em nove unidades e, à medida que os contratos forem renovados, as demais também vão servir. Neste governo, os restaurantes passaram a contar com um nutricionista em cada unidade e a servir gratuitamente refeições para pessoas em situação de rua.